A confiança da indústria apresentou alta nos 30 setores pesquisados em setembro. O gerente de Análise da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Marcelo Azevedo, destaca que em 19 segmentos, o resultado é superior ao verificado em 2019, período em que não existia a pandemia do coronavírus. “São setores da indústria da transformação, indústria da construção que mostram que os empresários estão otimistas e percebem melhor as suas condições de negócios, impulsionando a confiança nesse mês de setembro.

0´22´´ – … mês de setembro.

A Confederação Nacional da Indústria ouviu 2.312 empresas. O crescimento em setembro é significativo na comparação com abril; no auge da crise. Os destaques passam por produtos de minerais não metálicos, informática, eletrônicos, Madeira, Borracha, Móveis, Máquinas, aparelhos e materiais elétricos, veículos automotores, máquinas e equipamentos.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui