A Polícia Federal (PF) apreendeu quase R$ 750 mil na casa do secretário adjunto de gestão administrativa de Saúde do Pará, Peter Cassol, no âmbito das buscas da operação Para Bellum, desencadeada na manhã desta quarta (10) para investigar supostas fraudes na compra de respiradores pelo governo estadual.

Segundo a corporação, o dinheiro foi encontrado embalado em jornal dentro de uma caixa térmica. Após a ofensiva da PF, o governo do estado publicou mensagem no Twitter indicando que o servidor foi exonerado.

A operação Para Bellum realizou ao todo 23 buscas por ordem do ministro Francisco Falcão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Entre os alvos das buscas estão a casa do governador do Pará, Helder Barbalho, a residência do secretário de Saúde e Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde Alberto Beltrame, o Palácio dos Despachos, sede do Executivo estadual, e as Secretarias de Estado de Saúde, Fazenda e Casa Civil.

Falcão ainda determinou o bloqueio de R$ 25 milhões de Barbalho e outros sete investigados.

*Com informações do Estadão Conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui