O ex-marido a levou à força para fora da lanchonete e atirou quatro vezes na vítima. Vanessa Goncalves da Silva Santana, de 30 anos, foi morta pelo ex-marido em Cuiabá
Facebook
Uma funcionária de uma lanchonete foi assassinada a tiros na noite desse domingo (20) no bairro CPA 4, em Cuiabá. De acordo com informações da Polícia Militar e da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Vanessa Goncalves da Silva Santana, de 30 anos, foi morta pelo ex-marido, Erinaldo Rozendo da Costa, de 35 anos. Ele teria cometido suicídio logo após o crime.
Vanessa estava trabalhando no estabelecimento quando o ex-marido chegou ao local. Ele entrou e começou uma discussão com a vítima. O ex-marido a levou à força para fora da lanchonete e atirou quatro vezes na vítima.
Vanessa não resistiu e morreu no local antes de ser socorrida. O ex-marido fugiu.
Ex-marido teria cometido suicídio após matar a mulher em Cuiabá
Suelen Alencar/TV Centro América
A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa acompanha o caso.
Erinaldo foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (21) no bairro Residencial Ana Maria, em Cuiabá. Segundo a PM, havia uma marca de tiro no rosto dele. Um revólver foi encontrado ao lado do corpo do suspeito. Supostamente ele teria cometido suicídio.
Feminicídios em Mato Grosso
O número de feminicídios em Mato Grosso aumentou 40% entre os meses de janeiro a agosto, em comparação ao mesmo período do ano passado, conforme dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp-MT) divulgados no dia 12 deste mês. O levantamento leva em consideração vítimas femininas entre 18 e 59 anos.
Violência contra a mulher teve aumento neste ano em MT
Sesp-MT
Nos oito primeiros meses deste ano, 35 feminicídios foram registrados, no entanto, segundo a secretaria, este número pode ser alterado, conforme o andamento das investigações policiais. Já em 2019, este número chegou a 25 casos.
O levantamento do Observatório da Violência também mostra que os homicídios dolosos contra mulheres tiveram redução de 31%, sendo que ocorreram 20 mortes este ano contra 29 no mesmo período do ano passado.
Conforme o documento, os números de homicídios dolosos tentados também diminuíram 23%, com 149 casos este ano contra 193 ano passado.