A partir deste sábado (13), só será permitida a locomoção em serviços essenciais durante o período. A medida vale até o dia 28 de junho. Prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) anuncia toque de recolher por duas semanas em Cuiabá
Prefeitura de Cuiabá
O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) decretou toque de recolher em Cuiabá, a partir deste sábado (13). De acordo com o decreto, a partir desta data, fica proibida a circulação de qualquer cidadão no município, no período entre as 22h30 às 5h. A medida irá valer até o dia 28 de junho. O documento foi publicado nesta quarta-feira (10).
Só será permitida a locomoção em serviços essenciais, como estabelecimentos hospitalares, clínicas veterinárias e odontológicas, farmácias, laboratórios, funerárias, serviço de segurança pública e privada, serviços de taxi e aplicativo de transporte individual remunerado de passageiros e profissionais da área da Saúde.
Últimas notícias do novo coronavírus em MT
O decreto também permite, excepcionalmente, a circulação de pessoas no horário previsto, em casos de acesso a esses serviços essenciais, ou em casos de cidadãos em trânsito para o Terminal Rodoviário de Cuiabá ou Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande.
Neste período fica determinada a manutenção de até 20% da frota de ônibus do transporte coletivo municipal, no horário estabelecido pelo toque de recolher, para fins de atendimento exclusivo dos profissionais dos serviços essenciais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui