Daniela Leiko de 36 anos, teve uma alta súbita de pressão na tarde de segunda-feira (21) e passou 4 dias internada na UTI. Daniela Leiko, de 36 anos, morreu em decorrência de um AVC
Divulgação
A publicitária Daniela Leiko, de 36 anos, morreu na noite dessa sexta-feira (25) em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico, em Cuiabá. A profissional sofreu uma alta súbita de pressão na tarde de segunda-feira (21), que culminou no AVC.
Desde então, Daniela estava internada em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sendo atendida por uma equipe especializada em AVC.
O quadro dela permanecia muito grave, mas estava estável. No entanto, ontem ela sofreu uma parada cardíaca.
A morte cerebral foi confirmada na manhã deste sábado (26) em nota divulgada empresa onde ela trabalhava.
“De uma sensibilidade rara, noiva, filha e irmã dedicada, mãe de pet com orgulho, publicitária e, acima de tudo, pessoa do bem. Nossa Dani deixa as marcas do cuidado com o outro e o comprometimento e responsabilidade com tudo e todos”, diz a empresa, em nota.
O velório acontecerá na Capela Jardins, a partir de meia-noite sobre o velório e segue até as 8h deste domingo (27).
Devido à pandemia, haverá um número limite de 10 pessoas dentro da Capela.